terça-feira, novembro 10, 2009

Apagão no Brasil, impacto mundial

O apagão que ocorreu há pouco no Brasil já teve uma repercussão enorme aqui nos Estados Unidos. CNN e Fox News foram as primeiras a dar a notícia. Todos os brasileiros que são entrevistados parecem estar muito preocupados com a imagem do país "lá fora", na linha do "meu Deus, o que vão pensar do país que quer receber as Olimpíadas em 2016?".

Mas até agora o que mais me chamou a atenção foi a coincidência deste black-out ter ocorrido apenas 2 dias depois de um programa da emissora CBS ter mostrado que os últimos apagões que ocorreram no Brasil em 2005 e 2007 foram causados por ação deliberada de hackers. Dêem uma olhada no vídeo:

Watch CBS News Videos Online
TRADUÇÃO
OBAMA: Agora já está claro que estas cyber-ameaças são um dos maiores desafios para a economia e a segurança nacional, que nós, como nação, temos que encarar. [...]
Nós sabemos que cyber-invasores já bisbilhotaram nosso sistema de distribuição de energia e em outros países cyber-ataques deixaram cidades inteiras no escuro.
REPORTER: O presidente Obama não citou o nome do país que ficou na breu, mas nossas fontes militares, de inteligência e comunidades de segurança nos dizem que o presidente estava se referindo ao Brasil.
Varias importantes fontes de inteligências confirmam que houve uma série de ataques no Brasil, um deles ao norte do Rio de Janeiro em janeiro de 2005 que afetou 3 cidades e dezenas de milhares de pessoas. Um outro evento muito maior, começando em 26 de setembro de 2007 no estado do Espirito Santo, afetou mais de de 3 milhões de pessoas e dúzias de cidades durante 2 dias, causando sérios problemas. Em Vitória, a maior produtora mundial de minério de ferro ficou com 7 fábricas paradas, o que ocasionou um prejuízo de US$ 7 milhões. Não está claro quem fez isso, ou quais os motivos. No entanto, hoje em dia não são mais adolescentes fazendo travessuras: provavelmente são soldados altamente treinados pelo exército chinês ou integrantes de organizações criminosas na Russia, Europa ou Américas.


E ai: será que agora também foi sabotagem ou tudo não passa de uma coincidência mesmo? Se depender do governo ou do ministro Lobão (que rima com apagão), nunca saberemos.

----------------------
ATUALIZAÇÃO:
De forma bem reservada, parece que o gabinete de segurança institucional do governo começa a considerar a possibilidade de o ataque ter sido causado por hackers, como mostra uma matéria da Folha de São Paulo.